Anúncios | Artigos | Galeria |  Fórum   | Eventos | Utilizadores | Top | Raças | Diários | Quem?

Utilizador:
Password:
Memorizar-me


== ARTIGOS ==
Site Felinus
Lazer
Entrevistas
Clipping
BD
Newsletters
Encontros
Ajuda
Notícias
Sobre o Site
Informação
Raças
Conselhos
Legislação
Notícias
Campanhas
Crónicas
Histórias Felizes
Ficção
Humor
Opinião
Livros
Revistas
Filmes
Lojas
Veterinários
Alimentação




Artigos  » Informação » Conselhos

Imunoestimulação eficaz na prevenção de alergias e infecções


Nota do site: Mais uma vez se demonstra que nem sempre os animais são o bicho-papão das alergias. Procura-se muitas vezes o culpado mais óbvio, esquecendo que o ambiente é uma conjugação de factores, e que qualquer um deles pode ser o desencadeador da alergia que sentimos. A "culpa" é da nossa fragilidade e da forma como temos descuidado ao longo dos anos o meio ambiente, sem pensar no futuro dos nossos filhos e netos.

A notícia que a seguir se transcreve prova que:

A prevalência das alergias aumentou e os factores de risco parecem reflectir-se sobretudo nas crianças que, ao integrarem ambientes propícios à propagação de vírus, como por exemplo, os infantários, também estão mais vulneráveis às infecções respiratórias. Como medida preventiva, a imunoestimulação demonstrou resultados eficazes.

Lisboa, 13 de Abril – As condições de vida das grandes cidades, a poluição em ambientes indoor provocada pela acumulação de pó e ácaros têm contribuído para o aumento da prevalência das doenças alérgicas.

Entretanto, e segundo Leonor Bento, “a sociedade também está mais alerta para estas patologias e os diagnósticos são mais precisos”.

Para a pediatra do Hospital de Santa Maria, os factores de risco reflectem-se sobretudo no grupo etário infantil, “porque a criança passa por uma fase de imunodeficiência transitória, ou seja, as defesas do organismo ainda não estão bem formadas, o que as impede de reagir contra as agressões exteriores”.

As alergias, como por exemplo, a asma e a rinite alérgica, acontecem numa altura da vida em que as crianças também estão mais susceptíveis às infecções respiratórias, “porque começam a frequentar infantários e creches, locais muito propícios à propagação de vírus, desde tenra idade”.

Neste sentido, Leonor Bento explica que “a imunoestimulação pretende ajudar o desenvolvimento do sistema imunitário da criança, no sentido de reduzir as infecções respiratórias e prevenir as alergias, e, na maior parte dos casos, demonstrou ter bons resultados”.

Entretanto, a pediatra alerta que, na maior parte das vezes, os factores de risco nada têm a ver com as crianças, mas antes com a família em que estão está inseridas.

“Se os pais das crianças sofrerem de alergias, é muito provável que os filhos também se tornem alérgicos, no entanto, fazer um acompanhamento familiar de futuros pais permite intervir precocemente, através de consultas pré-natal e conselhos para factores de prevenção a nível de ambiente indoor e de alimentação”.



http://saude.sapo.pt/gc/557326.html

- Assunção (Assunção Baptista) [ Europe/Lisbon ] 2005/04/19 12:25

Versão para Impressão Enviar a um amigo

» atlantic ( Elisabete Feitoria) » [ Europe/Lisbon ] 2005/04/20 17:42
Parabéns, São, muito claro e oportuno.

» GASPARSA ( ) » [ Europe/Lisbon ] 2005/04/20 13:20
mto bem, talvez sirva de exemplo para dismistificar que os animais não têm culpa , qdo é que as pessoas começam a prender, mesmo com toda a informação existente.

» netinho ( Sílvia Neto) » [ Europe/Lisbon ] 2005/04/19 15:46
Assunção, como se costuma dizer.... "local certo, na hora exata e no momento oportuno"... wink.gif
TERMOS DE USO | Regras de Utilização | Felinus e Cia. - © 2001 - 2018 Equipa Felinus